Fale Conosco 66 3410-2700

Notícias

8 de agosto: Dia nacional de combate ao colesterol

publicado em 8 de agosto de 2020

O colesterol é um conjunto de gorduras necessárias para o organismo exercer algumas funções, como a produção de determinados hormônios, mas é preciso ingeri-lo de forma equilibrada para manter as taxas regulares.

Há dois tipos de colesterol: o HDL, considerado “colesterol bom”, e o LDL, denominado de “colesterol ruim”; quando em desequilíbrio no organismo, o colesterol torna-se fator de risco vascular.

O desenvolvimento dessas doenças está associado a diversos fatores de risco, tais como: obesidade, aumento do colesterol, pressão alta, diabetes e tabagismo.

Podem ser controlados com alimentação saudável e prática de atividades físicas. Além, disso é importante verificar regularmente as taxas de gordura no sangue e, se necessário, utilizar medicamentos sob prescrição e acompanhamento médico.

A melhor forma de prevenir o aumento do colesterol ruim é aliar exercícios físicos à alimentação saudável, evitando o consumo exagerado de gorduras saturadas, óleos de coco e dendê, carne vermelha em excesso, gema de ovo, manteiga, laticínios, mortadela, salame, queijos amarelos e alimentos industrializados.

A redução do consumo de álcool e a cessação do tabagismo também são indispensáveis para a manutenção da saúde e dos níveis de colesterol (cigarro reduz o HDL-colesterol). Entretanto, é importante lembrar que em indivíduos com predisposição genética a colesterol alto a dieta embora possa ajudar será insuficiente na maioria dos casos.

Texto do Setor de Nutrição e Dietética, da Santa Casa Rondonópolis com referências no Ministério da Saúde.